Publicado em
Categoria ,

Foto: REUTERS/Fabian Bimmer

por Redação Siderurgia Brasil | 19/09/2023

Conforme nota publicada pelo Ministério da Industria e Comércio o Gecex excluiu os itens da siderurgia de Resolução Gecex, de 2022, que reduziu 10% do imposto de importação.

A medida visa tornar o aço brasileiro mais competitivo no mercado interno

O Comitê Executivo de Gestão (Gecex) da Câmara de Comércio Exterior (Camex) aprovou, nesta terça-feira (19), a exclusão de 12 produtos siderúrgicos da Resolução GECEX 353, aprovada pelo comitê em 2022, que permitiu à época a redução do imposto de importação desses itens em 10%. A decisão será publicada no Diário Oficial da União e passará a valer a partir de 1º de outubro, quando a taxa de importação voltará a ser de 9,6% a 12,8%.

Para o presidente interino e ministro do MDIC, Geraldo Alckmin, “a decisão do Gecex reflete nosso compromisso de fortalecer a indústria nacional de aço. A exclusão desses 12 produtos siderúrgicos da redução da tarifa de importação vai garantir condições mais justas e competitivas para os fabricantes nacionais”.

A decisão foi tomada em resposta às preocupações da indústria nacional de aço, dado o aumento substancial das importações a preços muitas vezes objeto de práticas desleais nos últimos anos. Diversos países têm adotado políticas restritivas para barrar tais importações, o que leva na prática ao redirecionamento dessas importações para países como o Brasil.

A medida visa tornar o aço brasileiro mais competitivo no mercado interno, ajudando os fabricantes nacionais a enfrentar o surto de importações a preços desleais e, assim, manter a indústria local forte.

Na prática, o Gecex retira os 12 itens da lista, aprovada pelo comitê em 2022, que permitiu à época a diminuição do imposto de importação em 10%. Os 12 códigos de Nomenclatura Comum do Mercosul (NCM) do aço que voltam à Tarifa Externa Comum (TEC) são: 7208.37.00 (Bobinas Grossas); 7208.38.90 (Bobinas a Quente); 7208.39.10 (Bobinas a Quente); 7208.39.90 (Bobinas a Quente); 7209.16.00 (Bobina a Frio); 7209.17.00 (Bobina a Frio); 7210.49.10 (Chapas Galvanizadas); 7210.61.00 (Chapas Revestidas de Alumínio-Zinco); 7213.91.90 (Fios-máquina); 7222.20.00 (Barra Inox a Frio); 7304.19.00 (Tubos sem costura); e 7304.29.39 (Tubos sem costura). A resolução do Gecex aprovada no ano passado autorizava o desconto da alíquota de importação desses produtos até 31 de dezembro de 2023.

Para o secretário executivo do MDIC, Márcio Elias Rosa, a decisão da Gecex deixa o aço brasileiro mais competitivo no mercado nacional. “A decisão do Gecex é importante para o parque siderúrgico brasileiro, sobretudo para a manutenção de empregos gerados pelo setor no Brasil”, avaliou.

Fim do desconto da alíquota
O setor nacional do aço sentiu o impacto de recentes alterações de alíquotas do Imposto de Importação relacionadas a produtos siderúrgicos de outros países, como EUA e México. Desde 2018, os EUA elevaram as tarifas de importação sobre produtos de aço e alumínio. Já o governo mexicano aumentou, até julho de 2025, a tarifa de importação ao patamar de 25% para vários produtos, entre eles o ferro e aço.

Com isso, produtos do setor siderúrgico de países, como China, chegam ao mercado brasileiro com valores abaixo do mercado, prejudicando a compra de itens nacionais. No primeiro semestre deste ano, foram importados 1,5 milhão de toneladas desses produtos. Comparado com o primeiro semestre de 2022, o aumento dessas importações foi significativo, com variações de até 714%.

Diante desse cenário, o setor produtivo do aço pediu a elevação do imposto de importação de 18 códigos NCM. O Gecex aprovou a elevação tarifária para 12 códigos NCM com maior potencial de impacto econômico e de volume de importação, no curto prazo.

Aços Iguatemi – Conheça mais sobre a nossa história

A Aços Especiais Iguatemi está no mercado siderúrgico desde 1975, distribuindo produtos com qualidade e buscando oferecer excelência no atendimento.
Temos orgulho por sermos uma empresa que conquistou seu espaço no mercado de distribuição de aços, destacando-nos pela qualidade de nossos produtos e serviços.
Trabalhamos com uma grande variedade de ligas em aços carbono SAE 1020/1045/1060/1090, aços para construção mecânica SAE 4140/4340/8620/8640, aços especiais SAE 6150 e SAE 52100, dentre outros.
Contamos ainda com uma linha completa de aços ferramentais: VND/O1 – VC131/D6 – D2 – H13 – P20 – VCO – VMO e aços inox para produção de moldes AISI 420.

Trabalhamos também com aços Retificados, aços prata Carbono, Cromo e Tungstênio,
com tolerância ISO h7.
Dispomos de uma equipe comercial altamente capacitada para prestar o melhor
atendimento e buscar a solução ideal para a sua necessidade.


Se preferir, você pode enviar um e-mail para: [email protected] ou nos
consultar pelo telefone ou WhatsApp : (11) 2954-3000

ATENDIMENTO PERSONALIZADO e muito mais

Somos referência no segmento de revenda e distribuição de ferro e aço.